14 outubro, 2013

(Entrevista #18) Manoel F. Santos

Boa noite galera!!! Hoje venho postar aqui a entrevista com o autor do livro "As freiras que só ouvem rock", o Manoel Flor dos Santos, vamos conhecer um pouquinho sobre sua vida de escritor e sobre seu livro, que tenho que dizer que é maravilhoso (já li e em breve tem resenha) e tem uma capa linda!
Vamos as perguntas!!!


1- Fale um pouco sobre você.
R: Bom, Brenda, falar sobre a gente é sempre difícil, no entanto posso lhe garantir que umas das minhas características é a paciência. Sou ansioso, às vezes, mas esse problema é superado na busca de fazer tudo que me traga prazer. Tento buscar conhecimento a cada dia e entender o que se passa dentro de minha cabeça um pouco complicada. 

2- Por que decidiu se tornar escritor?
R: Eu havia percebido que tinha certa facilidade em criar histórias e inseri-las no papel. A vontade em ser escritor aumentava a cada dia, pois eu percebia que a escrita fluía com mais facilidade e que a maturidade foi um ponto que me ajudou muito. Conforme foram passando os anos eu cresci como pessoa e como profissional na área da literatura. Em minha concepção, eu deveria aproveitar o dom que Deus me deu, que é o de criar estórias. 

3- Desde quando você escreve?
R: Escrevo desde os meus 14 anos. Comecei com textos poéticos e aos 17 anos decidi me aventurar em escrever romances.

4- Quais são seus hobbies?
R: Ler é um deles, pois não poderia estar de fora.  Praticar atividades físicas como uma caminhada e musculação é de suma importância para mim, pois é isso que me dá disposição à vida e ao meu trabalho.

5- Como é a vida de escritor?
R: Vendo pelo lado de ter o dom da escrita, acho imensamente prazerosa. 

6- Se você fosse um animal, qual animal você seria?
R: Eu seria uma girafa, pois com o seu pescoço longo, teria a capacidade de olhar além do horizonte.

7- Quando e como teve a ideia de escrever “As freiras que só ouvem rock”?
R: A ideia de “As freiras que só ouvem rock” é antiga. Ela foi colocada no papel no ano de 1999. Tive a influência de alguns livros que estava lendo na época e acabei estruturando a obra de um modo parecido. Mas o passo inicial foi um sonho que eu tive, um simples sonho, por sinal, que logo depois me fez aflorar outras idéias. Não seria à toa que o livro inicia com um pesadelo e termina com um sonho. 

8- O que vem primeiro: a história, os personagens ou a configuração?
R: Neste caso do livro veio primeiro a configuração, em detrimento do sonho que eu tive, mas o sonho não se baseia nem em 10% da  história. A partir da configuração, construí a história com alguns personagens centrais e a escrita foi fluindo de forma natural; outros personagens foram tomando o seu lugar sem muito esforço, de acordo com a necessidade dos conflitos. 

9- Em que ou em quem seus personagens são baseados?
R: Mais precisamente em pessoas comuns, mas com um detalhe de que todos possuem personalidade forte.

10- Qual seu autor favorito?
R: Não possuo apenas um autor que posso considerar como favorito. Pois como já li um pouco de tudo, acabei criando certa admiração por alguns. No entanto posso cita-los: Machado de Assis, Aluízio Azevedo, Manuel Bandeira, George Martin, Eduardo Spohr, Agatha Christie(que já foi muita criticada por sempre repetir o mesmo estilo em suas obras – mas que não se pode negar a genialidade dela para a construção de cada um deles).
 
11- Qual seu estilo literário favorito?
R: Meu estilo literário favorito sempre foi romance, principalmente histórias de aventuras, magia, drama e temas regionalistas.

12- Como faz a divulgação do seu trabalho?
R: A  internet é um ótimo vínculo de divulgação, pois é com ela que podemos adquirir inúmeras parcerias em sites e blogs  a fim de conquistar leitores admiradores. Um outro meio também que uso para divulgação, é trabalhar com lojas pela forma de consignação das quais considero pertinente a apresentação do meu trabalho como forma de divulgação e venda.

13- Para terminar, fale um pouco do seu trabalho!
R: Para quem já leu “As freiras que só ouvem rock” posso adiantar que os meus próximos trabalhos terão temas totalmente diferentes. Sou bem eclético nessa questão. Mas todos eles têm um ponto em comum. Um bom ar de mistério.

-Gostaria de agradecer ao Manoel pela disponibilidade de responder minhas perguntas, e desejo a ele muito sucesso!!!


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por visitar o blog! Deixe seu comentário, saiba que sua opinião é muito importante para nós!!!